Em nome do Amor…

O que ser senão do Amor? O que navega pelo ser,… através e além,… que honra a vida em gratidão,… que vem do coração, do desejar sorrir por despertar outro sorrir, do iluminar virtudes, do resgatar dons inativos e no silêncio,… proclamar felicidade como princípio e meio… e que assim seja permissível… Infindável…

Ao Amor irei versar… Reescrever a nova história… Sem permitir-me esconder o que permeia minha alma… Acolhida,… pacificada,… purificada…

Grande Amor Infinito, bem vindo de volta à nossa casa… Meu âmago é tua morada… Me fortaleça em meio ao caos… Sobrepuja a dor da mágoa, o medo do escuro… Me engrandece e transporta-me à clareza, à leveza, à beleza… Este viver pleno não é um sonho do porvir, mas o mover-se agora intenso… 

Já vivi denso pesar… Foi por reconhece-lo, como dádiva e pensamento,… minha primorosa natureza… A mágica alquímica do recriar e expandir, do bem que fiz por libertá-lo… Permitir que seja minha palavra e meu gesto,… meu vibrar e fluir… Por ser a expressão de minha essência… A substância Divina da existência… A razão liberta, por todo Ser evoluir…

Em nome do Amor e da Paz me abro ao que vier em fé e confiança… A liberdade se apresenta a cada passo, em sutilezas e nuances… Alguns sinais, percepções, em meio aos ventos da mudança…As expressões de um coração a expandir-se como antes… 

As visões angustiadas desvelam-se ao que lhes ofuscam na clareza… Os pensamentos temerosos curvam-se ante a lucidez… O corpo alinha-se após dores entre o martírio e a pureza… Na certeza de que a vida, é da Fonte que se fez…

Reunificado Eu seja ao espírito Divino… Que Eu reviva as sensações reais da essência… 
A essência do Todo… porque o Todo é o destino… E o destino é pelo Todo, que se move a existência…

O mundo que se via cegamente muda a face… Trazendo o sentido verdadeiro ao sem sentido… Renascendo do equívoco para ser realidade… Resgatando um poder que se julgava estar perdido…

As Luzes da transformação surgem envolventes, revigorantes… Ocupando cada fresta, permeando cada espaço… Trazendo as boas novas das verdades triunfantes… Tornando abundante o que outrora foi escasso…

Um anjo se apresenta em sua forma definida… Realinhando-me à imagem da beleza além do escuro… No altruísmo invisível, energias concedidas… Incentivando o recordar de um conhecer além do estudo…

Despeço-me do antigo ressentimento, abrindo-me ao novo sentimento… Os sonhos desfeitos de ontem, não são mais do “Eu Agora”,… que não sonha mais, realiza embora…
Dissolvendo más questões… Retomando as direções… Aproximando o meu momento…
Do que já me definia, existente e manifesto… Renovado Eu percebo… Ao meu viver Retorna…

de Fred Cury

Autor do livro “O amanhecer da Consciência”… e da Página Freed on life no Facebook: https://www.facebook.com/freedonlife

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s