DNA, a Dádiva Nascida do Amor…

(DNA… “divine nativity in ascension” – Original text in Portuguese language, and transcription for English version)

Apreciai agora este chamado de vossos corações… Este crucial momento de tão glorioso propósito do Espírito Divino…

Sois as detentoras da verdade, não aquela verdade fundamentada num conjunto de pontos de vistas divergentes, a conflitarem-se e dividirem-se…

Sois as verdades da pura essência que descendes… A essência que flui através de teu movimento evolutivo único… Como é único para cada manifesto…

Na perpétua expansão de uma energia magnânima em abundância e inspiração, em sua sabedoria infinita, a Fonte dispôs-se ao bem da continuidade de uma trajetória criativa e evolutiva, a desempenhar como energia masculina, um papel objetivo de favorecer uma nova criação, ao satisfazer o ímpeto inspirado na pura concepção, a realizar-se pela energia feminina, criando um novo manifesto de beleza e perfeição… Assim é Deus Pai/Mãe…

Estas energias fluem pelo universo por meio do Ser, de cada coração que de ambas desfrutam, a fim de obterem as experiências necessárias, para criar o novo a partir de seus próprios equilíbrios e poderes inatos… Pois vieram à superfície de uma magnífica Mãe que ancorou em seu colo, as manifestações da forma… Nas mais belas e harmoniosas criações inspiradas, das ramificações Divinas em plena expansão e fertilidade… Além de serdes corajosas almas, que se voluntariaram ao esquecimento, deste poder criativo que define o Ser de uma mesma origem…

Vos aventurareis numa superfície transformada separatista… Onde almas impetuosas em criar algo contrário da própria luz, favorecendo-se da generosidade do livre-arbítrio, construíram seus próprios impérios além do conceito da Unicidade, esquecendo-se da base do equilíbrio, entre as energias criativas do masculino e feminino, tornando-se soberanos cruéis em suas criações individuais, cujas fundações soterrariam e seus tetos obscureceriam as manifestações das essências, as lembranças e o desenvolvimento de cada centelha da Criação… Permaneceriam até então por seu orgulho, em pedestais fadados a demonstrarem serem inconsistentes, decadentes e descontinuados…

Então, devido ao desequilíbrio e divisão, opondo-se ao que a Fonte de tudo divinamente havia planeado, os alicerces e véus não possuem estrutura ou envergadura para manterem suas imperfeições… Pois, não há como soterrar sementes férteis impedindo-as de emergir, assim como não há como conter a mínima abertura de uma senda ao contínuo fluxo da Luz…

As experiências foram permitidas a estes poderes paralelos e divididos, sem a substância essencial dos reais poderes de origem… As criações em desarmonia com o todo, além do essencial de cada coração divino, foram os paradigmas que cada Alma escolheu conhecer, para criar originalmente, inspirada em sua perfeição readquirida…

Atingimos o limiar das experiências… Assim recordareis… Viestes pela ressurreição e retomada do avanço de toda manifestação criativa no colo da Mãe Planetária, Gaia… Viestes pela redenção, o reequilíbrio e a emanação de Luz, a banhar com Força Vital as sementes das novas criações, para que cresçam, floresçam e perpetuem o propósito do Um em todos…

Portanto Almas de Luz… Pela graça restauradora que retorna ao potencial de nosso DNA Divino, em regozijo reverencio-as, como as reveladoras e renascidas manifestações Divinas… Como “Dádivas Nascidas do Amor” de nossa Fonte, em favor da evolução e renovação dos Mundos…

Faça-se a Luz

Fred Cury

Versão em Áudio/Vídeo publicado no YouTube, declamado pelo autor: https://youtu.be/xuy7KpyFjls

DNA… “divine nativity in ascension” (English version)

Appreciate this now called in your hearts … This crucial moment of glorious purpose of the Divine Spirit …

You are the holders of the truth, that truth not based on a set of divergent views, of the conflict and division…

You are the truths in your pure essence … The essence that flows through your only evolutionary movement … How is unique to each manifest …

For the perpetual expansion of magnanimous abundant energy, in his infinite wisdom, by the Source was granted, for the good of the continuity of a creative and evolutionary trajectory, a male energy, to fertilize a new creation, and satisfy the impetus inspired by purity, to be held by the feminine energy, creating a new manifest in beauty and perfection … So is Father / Mother God …

These energies flow through the universe by means of the Being, for every heart enjoy in order the necessary experience, to create the new from their own innate powers … For Gaya, the manifestations of the way … In beauty of the harmonious, the Divine ramifications booming in fertility … Besides brave, ye should be souls who volunteered to oblivion, to all creative power that defines the Being of the same origin …

You ventured into a surface of concepts separatists … Where other souls, they was engaged into creating something contrary of light itself, if favoring from the free will, built their own empires beyond the concept of Oneness, forgetting the basis of the balance between the male and female divine, cruel rulers becoming in their individual creations, the foundations and their ceilings on the manifestations of essences, the memories and the development of each spark of creation … They would remain until then for his pride, on pedestals, to show being inconsistent, decadent and discontinued …

Then, due to the imbalance and division, opposing to the Source, the Creator of the divinely planned, the foundations and veils do not have structure or stature to keep their imperfections … Well, you can not bury fertile seeds and prevent them from be emerging, as there is no way of contain the minimum opening a path to the continuous flow of light …

Experiments were allowed to these parallel and divided powers without the essential substance of the real powers of origin … The creations in harmony with the whole, beyond the essentials of each divine heart, were the paradigms that each Soul has chosen to know, to create in your original essence, inspired by his perfection …

We have reached the threshold of experience … So will recall … You have come through the resurrection and resumed the advance of all creative manifestation in the lap of Mother Planetary Gaia … You come for the redemption, rebalancing and the emanation of Light, to bathe the seeds of new creations , to grow, flourish and perpetuate the purpose of the One in all …

So souls of light … For the healing grace that returns the potential to our Divine DNA… I revere, as you revealing in manifestations Divine … How the divine nativity in ascension from our Source, for evolution and renewal the Worlds …

Let there be light

Fred Cury

Anúncios

1 comentário

  1. freedonlife · abril 15, 2016

    Republicou isso em freedonlife.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s